Marília Castelo Branco transformou a dor da perda do seu filho especial, Thales, em forças para fundar a Associação Síndrome do Amor, referência no atendimento a crianças com disfunções cerebrais incuráveis. Hoje, ela inspira milhares de mães do mundo inteiro a amar, cuidar e conhecer melhor seus filhos especiais. (Jornal A Cidade)

Confira os melhores momentos do ano em que a Síndrome do Amor, completou 10 anos de trabalho. 

Categorias: Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Notícias

VIII FESTAMOROSA – A tradicional feijoada da Síndrome do Amor acontecerá em clima de conquistas.

O evento que garante todos os anos a continuidade dos projetos da instituição terá comemorações pelas conquistas das famílias assistidas em todo o mundo. Pela oitava vez a Associação Sìndrome do Amor (ASDA) realiza a Leia mais…